MEDICINA DO TRABALHO

MEDICINA DO TRABALHO (Medicina Ocupacional) da MULTILIFE está preparada para atender todas as exigências previdenciárias e trabalhistas do eSocial , para empresas de Brasília e de todos os estados do país.

Entre os serviços de MEDICINA DO TRABALHO que a MULTILIFE realiza temos:

  • Elaboração e gestão do PCMSO NR-7 – Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional;
  • Realização de exame admissional, exame periódico, exame demissional, retorno ao trabalho e mudança de função, com emissão de Atestado de Saúde Ocupacional – ASO;
  • Emissão do Relatório Anual do PCMSO NR-7;
  • Avaliação clínica para encaminhamento de empregados à perícia médica do INSS;
  • Contestação dos NETEPs junto à Perícia Médica do INSS;
  • Controle de vencimento de Exames periódico;
  • Responsabilidade Técnica junto ao eSocial e aos fiscalizadores (SRT, DIVISA, INSS, CRM e MPT);
  • Emissão de Relatório Gerencial de atividades de Medicina do Trabalho.

Medicina do Trabalho ou Ocupacional  praticada pela MULTILIFE cuida da saúde dos trabalhadores, visando à prevenção das doenças do trabalho, a promoção da saúde e da qualidade de vida das pessoas que labutam em empresas. A MULTILIFE realiza o diagnóstico das Doenças Ocupacionais; proporciona orientação de saúde no exame admissional de candidatos e faz a prevenção e o diagnóstico de doenças dos trabalhadores, por ocasião dos exames periódicos.

Medicina do Trabalho da MULTILIFE é desenvolvida nas empresas de modo articulado com a  Segurança do Trabalho, pois esta que fornece subsídios de riscos ambientais e agentes nocivos nos ambientes de trabalho para que a medicina possa atuar.

Medicina do Trabalho da MULTILIFE atua de modo adequado aos conceitos técnicos, éticos e normativos. Todos os serviços e programas de Medicina Ocupacional são desenvolvidos conforme os requisitos das Normas Regulamentadoras da Portaria 3214/78 do Ministério do Trabalho e Emprego.

A MULTILIFE está habilitada técnica e operacionalmente para desenvolver a Medicina do Trabalho para empresas em Brasília e das demais Unidades da Federação.

SAIBA MAIS

A Medicina do Trabalho promove o bem-estar e a melhoria do estado de saúde e qualidade de vida dos trabalhadores, por meio da busca da interação entre a vida profissional e pessoal dos indivíduos.

Na prática a Medicina Ocupacional avalia, acompanha e controla a saúde dos trabalhadores sadios, prevenindo doenças ocupacionais, por meio de exames de saúde. Efetua, ainda, através dos exames periódicos, o controle e o acompanhamento dos indivíduos portadores de doença ocupacional.

O campo de atuação da Medicina do Trabalho é a empresa (fábricas, escritórios, etc) e o seu foco de atuação é voltado para o trabalhador. O responsável por essas atividades é o médico do trabalho que é especialista em Medicina do Trabalho.

As atividades desenvolvidas pela Medicina Ocupacional são: avaliar, acompanhar e controlar a saúde dos trabalhadores; elaborar e desenvolver o PCMSO NR-7 (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional); realizar os Exames de Saúde Ocupacionais (Admissional, Periódico, Demissional, Retorno ao Trabalho e Mudança de Função) e emitir o ASO (Atestado de Saúde Ocupacional). Realizar, ainda, cursos e treinamentos na área da saúde para os empregados é outra atividade da Medicina do Trabalho.

As ações da Medicina do Trabalho estão centradas no PCMSO NR-7. As empresas são  obrigadas a elaborar e a desenvolver o PCMSO.

Para que o objetivo da Medicina Ocupacional seja alcançado, ela deve ser desenvolvida por uma equipe multidisciplinar composta por médico do trabalho, enfermeiro do trabalho, técnico em enfermagem do trabalho e, ainda, contar com a colaboração do engenheiro de segurança e do técnico em segurança do trabalho.

A Medicina Ocupacional proporciona ao trabalhador condições de melhorar a saúde no trabalho e o seu desempenho profissional; os benefícios advindos para a empresa são prevenir doenças e evitar transtornos administrativos e legais (notificações, autuações e multas). É uma importante ferramenta que reforça as relações interpessoais, agrega valor à marca e proporciona credibilidade à empresa.

A legislação que regulamenta a Medicina do Trabalho é a CLT Consolidação das Leis do Trabalho, no Capítulo V, Art. 154 até Art. 200, que trata da Segurança e Medicina do Trabalho, com a redação deste Capítulo dada pela Lei nº 6.514, de 22.12,77. A Portaria 3214/78 e as NRs que são as Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego para a Medicina Ocupacional e a Segurança do Trabalho fazem parte dessa regulamentação.

No Brasil, os órgãos que fiscalizam essa atividade médica são o Ministério do Trabalho e Emprego e o Ministério da Saúde. E os órgãos reguladores são o CFM (Conselho Federal de Medicina) e a ANAMT (Associação Nacional de Medicina do Trabalho).

Antonio R. Negrão Costa – CRM DF 6528
Diretor Médico

botton-site-03
Prezados Clientes
Estamos em recesso para as festividades de final de ano, no período de 25/12/2017 a 05/01/2018, voltamos as atividades normais no dia 08/01/2018. Desejamos a todos Boas festas e um Feliz Ano Novo!
Medicina e Segurança do Trabalho com atendimento ao eSocial
Treinamento eSocial
Em Medicina e Segurança do Trabalho
INSCREVA-SE